segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Os diferentes tipos de chocolate...

Sempre é bom saber...(Tentação!!)

Na hora de escolher um chocolate, há diversas opções. Você já deve ter ouvido falar em diversos tipos de chocolate: ao leite, amargo, branco, diet… mas você sabe qual é a diferença?Chocolate amargo – é o chocolate com maior concentração de cacau (geralmente acima de 70%) e com pouco açúcar. É o chocolate que mais oferece as propriedades benéficas do cacau.


Chocolate meio amargo - é um chocolate com uma menor concentração de cacau (geralmente por volta de 50%). Também tem pouco açúcar e seu sabor é um pouco menos acentuado.

Chocolate ao leite – para fazer o chocolate ao leite, parte da massa de cacau é substituída por leite em pó (geralmente o chocolate ao leite tem um teor de cacau entre 30 e 40%). O resultado é um chocolate com textura mais cremosa e sabor mais adocicado.

Chocolate branco - esse tipo de chocolate não contém massa de cacau, ele é feito com manteiga de cacau, açúcar e leite. É o mais doce e de textura bem cremosa.

Chocolate em pó – é feito com a amêndoa de cacau moída, sem a manteiga de cacau. É muito utilizado em receitas, inclusive de brigadeiro (Mas eu gosto do chocolate de verdade!) e também pode apresentar diferentes concentrações de cacau.

Achocolatado - como o próprio nome já diz, achocolatado não é chocolate (então não vale usar no brigadeiro, heim?!). É uma mistura de chocolate em pó, leite e muito açúcar, geralmente utilizada para saborizar o leite.

Chocolate para cobertura - é um chocolate com alta concentração de manteiga de cacau, que pode ser meio amargo, ao leite ou branco. Como derrete com facilidade e tem mais brilho, é muito usado no acabamento de bolos e doces.

Chocolate diet – no chocolate diet estão presentes a massa e a manteiga de cacau, porém o açúcar é substituído por outras substâncias como sorbitol, sacarina e vanilina.

Agora você já sabe identificar bem todos os meus amigos…

Abraços,

Senhor Brigadeiro - http://www.senhorbrigadeiro.com/blog/index.php/2011/01/os-diferentes-tipos-de-chocolate/

Olha isso...


O cara fez um site só para mostrar os chocolates que ele come... Que perdição!!!! rs..rs..



sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Alecrim na carne pode reduzir seu potencial cancerígeno

Acrescentar alguns temperos, como o alecrim e o açafrão, antes de preparar carnes vermelhas pode ajudar a reduzir os riscos de câncer associados ao consumo desses alimentos, segundo estudo da Universidade do Estado do Kansas, nos Estados Unidos. De acordo com especialistas, temperos como a cúrcuma têm grande quantidade de antioxidantes que ajudam a prevenir a formação de aminas heterocíclicas – compostos cancerígenos que são produzidos quando as carnes são grelhadas, assadas ou fritas.

Em testes em laboratório, os cientistas observaram que a cúrcuma, o alecrim e um tempero chinês retirado de um tubérculo parecido com o gengibre (fingerroot) reduziam em mais de 40% a produção dessas aminas, reduzindo significativamente os riscos associados ao composto, incluindo de câncer colorretal, de estômago, de pulmão, pancreático, de mama e de próstata. E o maior efeito protetor contra a produção dessa amina foi observado no alecrim.

“As carnes de boi assadas tendem a desenvolver mais HCA (aminas heterocíclicas) do que outros tipos de carnes assadas, como porco e frango”, destacou o pesquisador J. Scott Smith. Entretanto, de acordo com o especialista, se os consumidores usarem temperos como o alecrim no preparo dos bifes, pode inibir de 61% a 79% a ação do composto associado ao câncer, principalmente em altas temperaturas, quando aumenta a produção do HCA.

Os pesquisadores planejam, agora, a realização de mais pesquisas para avaliar quais “marinados” e pós podem também reduzir a produção das aminas heterocíclicas. E outras pesquisas devem ser realizadas para confirmar se as carnes marinadas com ervas e pimentas podem efetivamente ser de menor potencial cancerígeno.

Fonte: http://www.melhoramiga.com.br/2010/06/alecrim-na-carne-pode-reduzir-seu-potencial-cancerigeno/

Os benefícios do suco de uva natural


Os benefícios do resveratrol encontrado nas uvas,principalmente na casca de uvas pretas,pois quanto mais intensa for á cor da uva,maior o seu conteúdo em polifenóis,saiba que o resveratrol é um dos mais potentes oxidantes(auxiliam no combate aos radicais livres).Os radicais livres são produzidos por diversos tipos de lesões ao organismo como:envelhecimento precoce ,stress sensação de perda de vitalidade,ao ingerir o suco de uva traz vários benefícios para a saúde,pois ele contém também ácidos fenólicos,taninos e flavonas.O resveratrol pode ajudar a diminuir os níveis de colesterol LDL(mau) e aumentam os níveis de colesterol bom HDL,os principais benefícios do suco de uva são prevenção de doenças,diminui as chances de obstrução dos vasos sanguíneos,reduz a formação de placas de gordura,evita a formação de moléculas de radicais livres que podem induzir ao câncer.O suco de uva é um valioso estimulante digestivo,ele acelera o metabolismo,eliminando de seu organismo o ácido úrico,ele ajuda também a restabelecer o equilíbrio ácido-alcalino do organismo,tem alto teor em sais de ferro,pois é indicado no tratamento da anemia .O suco de uva beneficia todo o aparelho digestivo,combate as flatulências,a dispepsia,as fermentações e a atonia intestinal,combate o envelhecimento,pois contém vinte antioxidantes,que funcionam em conjunto para combater os radicais livres,os antioxidantes são encontrados nas cascas e sementes,o suco de uva roxo é o mais poderoso.

Fonte: www.lojinhadaeva.com.br

Consumir um copo de suco de uva pelas manhãs faz com que as artérias trabalhem mais relaxadas, prevenindo ataques cardíacos. De fato, consumindo-o antes de ir dormir, ajuda a que o sangue circule com maior facilidade pelo nosso organismo durante as noites.

Estes benefícios do suco de uva estão associados à aspirina, e diminuindo a pressão sanguínea é possível ter um bom funcionamento do nosso sistema cardiovascular.

Uma pesquisa realizada anteriormente tinha comprovado que as uvas possuem propriedades sobre as plaquetas sanguíneas, diminuindo os coágulos sanguíneos e prevenindo os ataques cardíacos.

Fonte:http://www.outramedicina.com/418/suco-de-uva-para-o-coracao

Grão-de-bico espanta a depressão. Você sabia?


A leguminosa está lotada de triptofano, um aminoácido essencial para a produção da serotonina; a substância que traz sensações agradáveis. E esse é só um dos seus atributos. O grão-de-bico não ocupa lugar de destaque no ranking das leguminosas mais populares. Questão de gosto ou questão de preço? É difícil dizer, mas a verdade é que essa espécie custa pelo menos cinco vezes mais do que outro membro da família, o feijão, que também já não é tão assíduo na mesa do brasileiro. A relação custo benefício, porém, vale o investimento.

Quem vive meio tristonho sem motivo aparente na certa mudaria de humor se botasse esse alimento no prato com freqüência. É provável até que nossos ancestrais soubessem desse efeito. Ou então teriam desistido do cultivo da planta, extremamente sensível às condições

de clima e solo e também ao ataque de pragas. Hoje quem empresta sua chancela à leguminosa é a prestigiada revista científica internacional Journal of Archaeological Science, que divulgou recentemente trabalho de pesquisadores da Universidade Hebraica de

Jerusalém e da Universidade de Haifa, ambas em Israel, exaltando suas propriedades.

Por aqui nossos cientistas também dão seu aval ao grão-de-bico, boa fonte de ferro, carboidratos e proteínas. Leonardo Boiteux, estudioso do centro nacional de pesquisa de hortaliças da Embrapa, empresa brasileira dedicada ao estudo e ao desenvolvimento

agropecuário, atribui o alto teor protéico a uma combinação de aminoácidos. Entre eles a estrela é o triptofano, que aparece em grandes quantidades. Essa substância é usada pelo organismo para a produção de um neurotransmissor chamado serotonina, responsável pela ativação dos centros cerebrais que dão sensação de bem-estar, satisfação e confiança.

"Boas doses desse composto resultam ainda em diversos efeitos fisiológicos, como maiores taxas de ovulação e melhora no padrão de desenvolvimento das crianças", diz o pesquisador. A nutricionista Andréa Penatti Ferreira, que recentemente estudou as alterações químicas do grão-de-bico durante o cozimento para sua dissertação de mestrado na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da USP, em Piracicaba, acrescenta que a disponibilidade de ferro é outro diferencial da leguminosa.

Na tabela os valores desse mineral no grão-de-bico aparecem ligeiramente inferiores aos de seus parentes. O mesmo acontece comos teores de proteína.

Contraditório? "Não", responde Maria Esther Fonseca, também pesquisadora da Embrapa. "O ferro disponível nessa leguminosa é mais bem aproveitado pelo organismo.

Quanto às proteínas, a qualidade delas é muito superior à das demais leguminosas, sem contar que são totalmente digeridas, o que não acontece com suas congêneres", explica a especialista. E as vantagens do grão-de-bico não param por aí.

Ele acumula fitoestrógenos e por isso já começa a ser usado em terapias de reposição hormonal na menopausa."Essas substâncias, também chamadas dehormônios vegetais, têm se mostrado capazes de prevenir a osteoporose e problemas cardiovasculares, embora não tanto quanto aquelas extraídas da soja", diz Maria Esther. Se depender dos cientistas da Embrapa, ogrão-de-bico ficará ainda mais nutritivo.

Eles buscam o aperfeiçoamento genético para obter novas variedades adaptáveis a várias regiões. "Pretendemos também aumentar os teores de triptofano", anuncia o pesquisador Warley Nascimento. "Assim quem sabe o astral do brasileiro até melhore." E, para derrubar de vez a resistência de quem torce o nariz para a leguminosa, nada como uma especialidade da cozinha espanhola, o puchero, mas em versão light para tornar o prato ainda mais saudável.

A casca do grão-de-bico é rica em fibras.

Fonte: http://cybercook.terra.com.br/estrogonofe-de-grao-de-bico-na-comunidade.html?codigo=90328

Pequenos hábitos ajudam a acabar com o estômago pesado


Uma boa digestão é fundamental para acabar com a gordura acumulada e com o mal-estar

Sabe como sua dieta pode render melhor? Com uma boa digestão. Esse processo é fundamental já que quando os alimentos mal digeridos se acumulam vão, com o tempo, se transformar em gordura. Fora que ninguém gosta de ficar com aquela sensação de estômago pesado, não é mesmo? A notícia boa é que você pode deixar sua digestão muito mais fácil incluindo em sua rotina pequenas atitudes que, após aquele prato delicioso, farão a diferença. Sem contar com a ajuda que darão a sua saúde. Por isso, a nutricionista Roberta Stella, do programa Dieta e Saúde, dá alguma dicas abaixo de como hábitos simples podem livrar você da sensação ruim ao comer. Confira:

· Hora de comer, não de beber! Isso mesmo, o ideal é sempre evitar beber líquidos na hora das refeições. "O líquido dilui o ácido clorídrico fundamental para o processo digestivo, pois é esse ácido que vai transformar a comida engolida em partículas menores, mais fáceis de serem absorvidas. O ideal é não beber nada meia hora antes ou meia hora depois de comer." Caso você não consiga ficar com a boca seca, opte pela boa e velha água. Mas em pequena quantidade, ok?

· Mastigação aliada. A correria do dia a dia acaba nos levando para a correria na mesa também e acabamos não mastigando direito os alimentos. "É ruim porque o estômago e o intestino têm dificuldade para absorver os nutrientes, já que a comida chega maior no organismo". Resultado? Problemas de gases em excesso e abdômen inchado. Fora que seu corpo acabará gastando mais energia para fazer a digestão e você fatalmente ficará com mais sono e cansaço, após as refeições.

· Descanse um pouquinho, mas não durma! Logo após as refeições é bom evitar realizar atividades físicas intensas e, no outro extremo, evitar dormir. "O sono depois de comer faz com que o metabolismo do corpo diminua. Os exercícios físicos também são ruins porque reduzem a quantidade de sangue disponível para digerir os alimentos. Das duas formas, a comida fica mais tempo retida no organismo, que produz toxinas geradoras do mal-estar", ensina Roberta Stella.

· Chazinho para finalizar. A nutricionista do Dieta e Saúde ainda indica que beber uma xícara de chá depois das refeições é uma ótima pedida para se livrar da sensação de inchaço."A quentura dessa bebida ajuda a dissolver as gorduras e diminui a formação de gases intestinais."

Fonte:http://yahoo.minhavida.com.br/conteudo/11613-Pequenos-habitos--ajudam-a-acabar-com-o-estomago-pesado.htm?ordem=4#gal

11 alimentos que desintoxicam seu corpo e turbinam a sua saúde


- O abacaxi é diurético, facilita a digestão, especialmente de carnes, e desobstrui o fígado.

- Rico em fibras, o arroz integral faz o intestino funcionar melhor e favorece a eliminação de toxinas, mantendo a pele saudável.

- A maçã é rica em fibras, que funcionam como esponja dentro das artérias limpando o sangue do colesterol. É recomendada nas afecções de estômago, bexiga e rins. Antiácidas, ativam o fígado e dissolvem o ácido úrico, que retém líquidos no organismo.

- Além de adoçar sucos e chás, o mel pode ajudar a tratar muitas doenças, como gripe, asma, amigdalite e bronquite. Delicioso e fresco ainda auxilia problemas de circulação e dos músculos.

- A melancia tem propriedade refrescante e diurética, ajudando a limpar o organismo. Uma ótima receita é preparar o suco de melancia com gengibre, outro poderoso desintoxicante.

- A laranja tem ação desintoxicante e auxilia o funcionamento intestinal, principalmente quando ingerida com o bagaço.

- O gengibre estimula a digestão, alivia a constipação intestinal e ativa o metabolismo. Contém quantidades pequenas de vitamina C, cálcio, potássio, ferro, fósforo e magnésio. É rico em fibras e é usado como um alimento digestivo e refrescante.

- A couve carrega doses de ferros, que ajuda na formação de hemoglobina que transporta oxigênio para os tecidos.

- A berinjela é muito digestiva, nutritiva e laxante, por esse motivo é indicada nos casos de indigestão e prisão de ventre.

- A hortelã é uma erva rica em vitaminas A,B e C, minerais (cálcio, fósforo, ferro e potássio), que exercem ação tônica e estimulante sobre o aparelho digestivo, pode ser utilizada em chás, saladas e preparações em geral. Uma boa pedida é o suco de abacaxi com hortelã.

- O salsão é rico em fibras, que favorecem o trânsito intestinal.


segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Hoje...


A vida não é fácil...

Quando você pensa que engatou a primeira, vem alguém e engata a ré e ferrou de novo!!!

Quando você pensa que achou um buraquinho para conseguir respirar, o buraco parece que dá para um escapamento de tão escuro...

Quando você pensa que vai conseguir andar... Te seguram onde está!

Só na Fé!! Muita Fé!!

Tireóide


A tireóide é uma glândula que fica logo abaixo do pomo-de-adão ou gogó, e seu formato lembra uma borboleta. Ela produz dois hormônios essenciais para vários órgãos: o T3 (triiodotironina) e o T4 (tiroxina). Esses hormônios atuam diretamente em funções como crescimento, controle de peso, ciclo menstrual, fertilidade, sono, raciocínio, memória, temperatura corporal, batimentos cardíacos, eliminação de líquidos, intestinos e força muscular.

No hipotireoidismo a glândula produz muito pouca quantidade de hormônio. Para detectar hiper ou hipotireoidismo são realizadas dosagens hormonais (TSH, T4 e/ou T3) em coleta de sangue. Os principais sintomas são cansaço, fraqueza, cãibras, maior sensibilidade ao frio, lentidão, pele seca, dor de cabeça, sangramento menstrual excessivo, prisão de ventre, unhas fracas, cabelos finos e ralos.

Com a evolução da doença, a pessoa apresenta ganho de peso, prisão de ventre, redução da sensibilidade a odores e ao tato, queimação gástrica, dores musculares, falta de ar e angina.

Pesquisa mostra que doença de tireóide está mal controlada no Brasil (link abaixo)

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/vivermelhor/mat/2011/08/22/pesquisa-mostra-que-doenca-de-tireoide-esta-mal-controlada-no-brasil-925175210.asp#ixzz1VmBOcntt

© 1996 - 2011. Todos os direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A.

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Pesagem 15 08 11


Pesei... foram só 200 gramas a menos... Ainda bem que foi a menos!!!!

Falei que pesar depois de feriado/data festiva não dá certo!!

Avisei até a nutricionista isso...rs..rs..

Próximo episódio está agendado para dia 01/09/11...

Vou me segurar mais!!

Hoje...

Hoje é dia de consulta na nutricionista... pesagem...

Por isso o desenho ao lado...rs..rs..

Eu esqueço dessas festas (Dia dos Pais ontem = churrasco) e acabo agendando consulta justo nesses dias posteriores...kkkkkkkkkkkk

A consulta é depois do almoço ainda para ajudar... Vou almoçar salada...kkkkkkkkkkkkkkk

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Dicas para dieta...













Dieta

Oiiii!!!

Adorei essa historinha do Garfield!!

Continuo tentando me segurar, apesar da vontade que as vezes dá de comer mais do quê posso...

Ontem a noite, por exemplo, ia tomar só uma xícara de sopa daquelas instantâneas, que adoro!... Bem, tomei a sopa... daí meus filhos e maridão fizeram misto quente e comeram na minha frente... não deu outra, fui lá e fiz um lanchinho também... Depois meu marido vem com leite gelado e bolacha recheada (que eu amo!) e lá fui eu de novo... ahhhhhhhhhhhhhhhhh...

Hoje vou comer salada com salada e mais um pouco de salada...com cenoura...rs..rs..